Dicas para evitar erros na hora da digitação

(Foto: Reprodução Internet)

Já diziam que a pressa é inimiga da perfeição, não é mesmo? A correria do dia a dia muitas vezes faz com que erros bobos de digitação passem despercebidos em documentos, e-mails, planilhas e textos importantes da rotina de trabalho. Basta um pequeno descompasso para que “chegando” torne-se “cheangdo”; “seus” transforme-se em “seis”; “senadores” virem “sentadores” e outras diversas inversões que podem te colocar em maus bocados.
Na digitação, todo mundo está sujeito a erros como estes, mas algumas práticas podem ajudar a impedir que eles sejam publicados. Programas como o Word, por exemplo, possuem corretores automáticos e é sempre bom deixá-los funcionando. Porém, muitas das palavras digitadas erradas podem existir com outro significado, o que impedirá que um corretor perceba a duplicidade. Por isso, nada melhor do que respirar fundo, se concentrar e revisar o texto quantas vezes forem necessárias.
Nunca publique nada sem revisar e, se possível, peça para uma segunda pessoa fazer o mesmo para você. Se o documento for de extrema importância, vale a pena contratar um revisor profissional para que nada saia errado. Só assim você conseguirá perceber pequenos erros, palavras mal colocadas e expressões que podem ser trocadas por algo menos informal. Lembre-se: o ambiente de trabalho pede linguagem formal, direta e clara. Fique atento!

Texto: Mayara Castro/Jornalista na Netshare Marketing Criativo